segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Tal qual Ester....

No final de 2011 li mais uma vez a história de Ester, livro histórico da Bíblia Sagrada, que relata fatos sobre a vida de uma menina judia que foi elevada à rainha no Império Persa quando casou-se com o rei Assuero.
É conhecida esta história.
Filmes já foram produzidos e até mesmo uma minissérie foi feita.
Mas não é sobre isso que quero falar!
Quando lia o relato bíblico, grifei bem o capítulo 2 onde está descrito o modo como Ester chegou ao trono.
E passei alguns dias relendo-o...
Meditando...
Confabulando com o Senhor!
Nasceram estas palavras........

Ester teve que passar por certas etapas:
Primeiro ela foi tirada de sua "zona de conforto".
Foi retirada de dentro de sua casa, dos cuidados do seu primo Mardoqueu, que cuidava dela desde criança e que ela considerava como um pai.
Tal fato não foi algo que "ela desejava".
Ester foi levada sem que lhe fosse questionado se queria ou não...
Em um dia comum o inusitado bateu à sua porta e ela se viu vivendo uma novidade que não solicitara e, mais ainda, sendo retirada de sua residência, seu dia-a-dia, sua segurança, sua "zona de conforto".
Depois ela teve que passar por um período de limpeza.
Durante seis meses ela fez um tratamento com óleos de mirra, que era usado para poder limpar e hidratar a pele e, portanto, esfregava-se esse óleo em todo o corpo.
E por último é que recebeu o embelezamento.
Após os seis meses com o tratamento com mirra veio o período de seis meses com perfumes e cosméticos.
Em ambas as etapas ela não tinha como saber se agradaria ao rei ao ponto de se tornar sua esposa ou se seria apenas contada como mais uma de suas concubinas...
Mas teve que passar pelas etapas......
Somente depois dessas etapas é que ela recebeu o direito de apresentar-se ao rei...
Somente depois dessas etapas é que ela não apenas foi recebida pelo rei, mas AGRADOU-O de tal maneira que foi COROADA rainha.

O que aprendi com isso?
Que para recebermos a COROA que nos está reservada nos céus e até mesmo para nossas "vitórias terrenas", passamos pelo mesmo processo que Ester...

Deus nos tira de nossa "zona de conforto", onde erroneamente pensamos ser o melhor lugar, o que nos cabe ser feito, pois nos agrada.
Não queremos sair, pois o que é morno, é confortável, traz uma certa tranquilidade, é conhecido, não dá trabalho, tem "comida" e "bebida", tem "cama".
Gostamos do que a adoção nos proporciona...
Mas para termos a Coroa, não podemos continuar na "zona de conforto"!
É necessário que sejamos dela tirados...
E que passemos pelo processo de "limpeza".
Onde o amargo da mirra devemos também provar e por ela sermos limpos de todas as impurezas que o pecado nos acarretou e que fizeram com que nossa personalidade expressasse apenas suas fraquezas.
Ser purificado é um processo doloroso.
Mas é um processo temporário....
Logo após Deus nos faz belos, dando-nos dons espirituais, que serão o perfume que exalaremos para que todos ao nosso redor vejam que Ele é o merecedor de toda glória pela coroa que receberemos.

Não se esqueça!
Ester passou por isso tudo porque o rei Assuero assim quis para ter uma rainha...
Nós também por isso tudo passamos, porque o Rei Jesus assim quer para nos ter ao Seu lado...

Deus lhe abençoe!!!!

31/julho/2012 - 22h42

Nenhum comentário: