sábado, 28 de março de 2009

Assim está minha alma....

Se pudesse a alma ser revelada,
mostraria que sofre de forma velada,
para não atingir os que estão ao redor
e provocar tudo, menos real amor.

Ela sorri, mas na verdade chora.
Ela brinca, mas na verdade implora.
E não permite que possam ver
a verdade que está a viver.


Não deseja apenas o de sempre ouvir.
Não quer mais continuar a fugir.
Mas anseia que o basta seja dito
e possa viver o que já lhe foi prometido.


Apesar de esconder o que sente,
uma verdade há e nisso não mente:
não deixa de reconhecer de quem é,
não permite que abalada fique a fé.


Mesmo que esteja por este momento
escondendo a fraqueza, o sofrimento,
ao Senhor recorre e aos Seus pés permanece,
sabedora que Seu amor jamais fenece.


E que todas as suas incompreensões,
silêncios gritantes e tantas questões,
ela pode Nele encontrar suas respostas
e viver as tantas sentenças propostas.


Em meio a muitos ela se sente sozinha
e com passos arrastados caminha.
Mas não desiste de seguir para os céus
e não permite distanciar-se de Deus.


Assim vai! Contra si mesma lutando.
Contra seus medos e dores pelejando.
Mas sabe que em tudo já é vencedora
e que da vida eterna é ganhadora!

2 comentários:

Ludi Botelho! disse...

mocLindo....
simplismente lindo...

Ana Paula disse...

Obrigada!!!!!!!!
Apenas me revelando....
Beijos!