terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Hoje!



Hoje... 
Dia que não declara o que vai acontecer. 
Que não demonstra seus sentimentos. 
Se vai sorrir. 
Se vai chorar. 
Se vai amar ou odiar.

Hoje... 
Dia de surpresas e decisões. 
Talvez de dores e sofrimento. 
Mas tem lá suas razões, 
nada é de momento.

Hoje... 
Que vai ser diferente de ontem. 
Que vai ser espelho de amanhã.

Hoje...

"Basta a cada dia o seu mal..."

- Ana Paula Pinheiro de Oliveira

2 comentários:

Anônimo disse...

Ana, gostei da poesia...mas... daquela original...a completa...lembra? Que Deus continue te abençoando! Shalom! Quédia.

Ana Paula disse...

Quédia,
É que essa foi a gênese daquela outra... rrss rrss
Beijos!